Blog

Educação a distância: esse tipo de qualificação é válida?

A educação a distância (EAD) é uma modalidade de ensino que tem como objetivo oferecer um processo de aprendizagem completo, dinâmico e eficiente por intermédio de recursos tecnológicos. Porém, muitos estudantes ainda possuem um certo receio em fazer algum curso ou capacitação através dessa modalidade, por acreditar que o mercado vai discriminá-lo e dificultar sua absorção.

De fato, quando o formato ainda estava em consolidação, quem estudava via EAD passava por algumas dificuldades para ser reconhecido. Mas, o crescimento da educação a distância se configurou de forma mais assertiva, direta e estruturada a partir do avanço tecnológico e da acessibilidade para as pessoas, principalmente a partir do advento e popularização da internet de banda larga no Brasil. “Cada estudante deve ter em mente que o mais importante é ter a formação ou qualificação. Logo, todo e qualquer curso, desde que reconhecido ou certificado por empresas com um ‘know-how’ conhecido é válido!”, explica Alenilson Barbosa, CEO da Recruitment.

interna_educacao-a-distancia_blog_recruitment

O EAD não é mais novidade, mas ainda está  entre as modalidades da educação que mais oferece oportunidades. Podemos atribuir também que cada vez mais as pessoas começassem a utilizar recursos digitais para consumirem novos conteúdos, se desenvolverem profissionalmente e adquirirem novas competências e habilidades das mais variadas possíveis e existentes. “O mercado competitivo fez com que as pessoas ‘perdessem’ a disponibilidade de horário. Além disso, fatores como a questão financeira, onde o aluno mora influenciam na decisão de optar pelo formato de educação a distância”, completa o CEO.

Vantagens EAD

Se você ainda não se sente seguro para começar seu curso, listamos algumas vantagens que podem influenciar na sua decisão. Atenção, em qualquer curso a distância ou presencial, o comprometimento é o combustível e o principal segredo para o sucesso.

  1. Oportunidade para melhorar o currículo e conquistar méritos na carreira profissional;

  2. A flexibilidade das aulas é uma ótima opção para aqueles que vivem uma rotina agitada;

  3. Pode ser feito por qualquer pessoa, desde que os horários para estudar estejam organizados;

  4. Economia de tempo com deslocamentos, além de estudar no conforto da sua casa sem ter a necessidade de percorrer grandes distâncias;

  5. Custos financeiros são mais baratos que os presenciais, tornando o investimento no futuro fica mais em conta;

  6. Acesso ilimitado ao acervo das bibliotecas também é liberado (em algumas instituições);

  7. Diploma reconhecido pelo MEC, em casos de curso superior, como dos cursos presenciais.


Comente

ou logue-se com

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>