Blog

Início de carreira: o que fazer com as inúmeras opções?

Quem está no início de carreira sabe quais os desafios e incertezas cercam esse marco profissional. Porém, além da força de vontade para superá-los é preciso assumir o compromisso em aprender e crescer com a corporação, assim como tirar proveito de todos os ensinamentos do ambiente de trabalho.

Embora explorar áreas de atuação da profissão escolhida seja muito válido, é preciso ter cuidado quando o assunto se trata de explorar empresas diferentes em pouco tempo, principalmente no início de carreira.

Alenilson Barbosa, consultor especializado em recrutamento e seleção, destacou que avaliadores “desconfiam” de profissionais jovens com uma trajetória extensa, mas de pouca duração. “Os jovens devem explorar todas as possibilidades dentro da empresa, pois assim, adquirirem clareza do que gostam de fazer, mas quando eles preferem acumular pequenas experiências, já emitem um ‘alerta’ de que a qualquer momento podem desistir da área pretendida por não se identificar e assim ir para outra empresa. É preciso demonstrar lealdade e que está junto da instituição”.

interna_início-De-Carreira

Não só a empresa fica comprometida. O aprendizado desses “novatos” também. Uma vez que, esses profissionais iniciantes são tidos como rasos. “A passagem de três ou quatro meses por uma empresa não é suficiente para ele explorar os serviços e potencial de ambos [pessoal e empresarial], é preciso uma vivência maior, criar laços e até mesmo cometer erros. A promoção é mais provável para colaboradores internos porque a empresa possui referências internas e conhece o trabalho desenvolvido”, explica o especialista.

O que fazer com as inúmeras opções?
Refletir sobre planos e expectativas é a melhor saída. “Os inexpertos devem levar em consideração o que para eles é a realização profissional”. As múltiplas opções geram uma certa insegurança, principal fator que leva um individuo em início de carreira a fazer escolhas insatisfatórias. “Essas decisões deveriam ser um processo natural, mas a ansiedade de obter grandes conquistas gera uma ansiedade e isso se torna um passo difícil, além de gerar frustrações com mais frequência”, revelou o consultor.


Comente

ou logue-se com

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>